Governo assume cinema São Luiz, Zé do Caixão festeja em Veneza, Batman escala bilheterias

Governo de Pernambuco transforma cinema São Luiz em Estação Cultural

O cinéfilo recifense nem teve tempo de comemorar a inauguração dos cinco cinemas no Plaza Shopping quando recebeu outra notícia animadora. O governo do Estado, através da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe), oficializou, na última sexta (29), a adoção de um dos principais cinemas de rua do país, o Cine São Luiz. O tradicional cinema, lançado em 1952, ficou ameaçado de extinção, como ocorreu com as demais salas do centro nos últimos dez anos: Veneza, Moderno, Art Palácio e Trianon. Fatores como concorrência com as avançadas salas de Shopping e a decadência dos cinemas de bairro e de centro, atribuídas a violência e a falta de estacionamento, ameaçaram também a fechar o histórico local que abrigou o primeiro Festival de Cinema de Recife, em março de 1997.

Depois de buscar várias alternativas para não fechar o cinema, o Grupo Severiano conseguiu um acordo com a Faculdade Barros Melo (Aeso) que assumiu a sala e iniciou, em fevereiro de 2007, uma série de reformas. Diante de muitas dificuldades, a Faculdade desistiu do projeto no ano seguinte e o cinema voltou a ficar ameaçado. Com o novo contrato, previsto para durar cinco anos, o Governo do Estado assume a responsabilidade sobre a sala ao custo de R$ 20 mil por mês de aluguel. A Fundarpe, que vai administrar o espaço, pretende abrir licitação pública para finalizar as reformas das instalações e reinaugurar a sala como Centro Cultural Estação Cinema São Luiz. O projeto de revitalização deverá ficar concluído nos próximos seis meses.

O Cinema São Luiz com suas 1260 poltronas será inserido no projeto Estações Culturais junto com o Museu da Imagem do Som (Mispe) e o Teatro Arraial, que vai transformar a Rua da Aurora, em um corredor de exibição, capacitação e treinamento do audiovisual. O Cine Teatro Arraial exibirá curtas-metragens nacionais e filmes que não entram nos circuitos dos grandes exibidores comerciais, enquanto o Museu da Imagem será um centro de articulação da comunidade produtora de cinema, vídeo, fotografia e música do Estado. O São Luiz terá a função de apresentar produções audiovisuais brasileiras ao público local, além de abrigar uma cinemateca em parceria com o Instituto Lula Cardoso Ayres, que conta com um acervo de mais de três mil filmes em película.

###

Brasileiros agitam no Festival de Veneza

Tainá Müller

Tainá Müller

O longa Plastic City, uma có-produção entre Brasil, China e Japão, foi lançado durante o Festival de Veneza nesse sábado (30), na Itália. A atriz brasileira Tainá Müller, protagonista do filme, desfilou no tapete vermelho do Festival e chamou a atenção da imprensa mundial, ao lado dos atores do longa como Milhem Cortaz. Mas apesar da baladação de estréia, o filme não agradou e recebeu algumas vaias após a exibição. A critica foi feroz e classificou o filme como aborrecido, extravagante e delirante.

O mesmo não aconteceu com Zé do Caixão. Seu filme Encarnação do Demônio (Nacional, 2008) foi exibido à meia noite da última sexta (29) para cerca de 300 espectadores. O diretor José Mojica Marins caprichou nas cenas de morte, tortura e no uso digamos criativo de ratos e baratas. Por fim, o público aplaudiu com entusiasmo o terror brasileiro. O resultado surpreendeu até os profissionais envolvidos com a produção.

###

Rápidas

Enquanto isso, em Gothan City, o Cavaleiro das Trevas (The Dark Knight, 2008) continua sua escalada de sucessivos recordes quebrados. Ao atingir a marca de US$ 900 milhões arrecadados mundialmente, o filme alcançou a 14ª posição na lista das maiores bilheterias de todos os tempos, tornando-se a adaptação dos quadrinhos para as telas de maior sucesso da história do cinema. Como o filme do Homem Morcego ainda não perdeu fôlego, estima-se que deva superar a marca de US$ 1 bilhão, entrando no seleto grupo de apenas três filmes que conseguiram essa façanha. Piratas do Caribe – O Bau da Morte (Pirates of the Caribbean: Dead Man’s Chest, 2006), Senhor dos Anéis – O Retorno do Rei (The Lord of the Rings – The Return of the King, 2003) e o campeão Titanic (Idem, 1997), com o histórico recorde de US$ 1,8 bilhão.

Conheça nosso novo blog Maracutaia Livros.

Barra Cabeçalho

Anúncios

Uma resposta para “Governo assume cinema São Luiz, Zé do Caixão festeja em Veneza, Batman escala bilheterias

  1. Muito boa notícia sobre o São Luis!

    E torcendo por Cavaleiro das Trevas! \o/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s