Parteira, profissão sublime

Por Domingos Sávio de Godoy

Parteira é uma das profissões mais nobres que existem na humanidade. Elas são responsáveis pela realização de um dos gestos mais sublimes da natureza: gerar vida. O nascimento do ser-humano. Sua historia é tão antiga quanto à história da própria espécie.

Elas aprendem seu ofício na prática, geralmente com o auxílio de parteiras mais velhas. Destacam-se muito nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. São muito eficientes na zona rural e nas florestas ribeirinhas, onde o acesso aos postos de saúde é precário.

Utilizando-se de suas mãos, de uma bacia com água e de uma tesoura ou material cortante, fazem o parto de acordo com as condições encontradas em qualquer ambiente, ou seja, à luz de vela, de lamparina ou, até mesmo, de candeeiro.

A Rede Nacional de Parteiras Tradicionais foi criada em 1996, no âmbito da ONG Cais do Parto, durante o I Encontro de Parteiras Tradicionais, realizado em Nova Jerusalém, Pernambuco. Uma iniciativa louvável desta ONG ao promover a Reunião Internacional e o Encontro Estadual de Parteiras Tradicionais 2008.

O Cais do Parto foi fundado em 1991 por Suely Carvalho. Uma parteira paranaense que buscou no Nordeste o saber das parteiras tradicionais. E, hoje, contribui para a formação de profissionais desta categoria que contribuem para uma sociedade saudável, equilibrada e feliz.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s